Entrevistas, Web Marketing | agosto 18th, 2009

Existe grande diferença entre vender um produto e vender um serviço. No E-Commerce essa diferença fica ainda mais acentuada. O GerenteDeEcommerce.com.br entrevista CAMILA SEPPE, formada em Fotografia pela Universidade Anhembi Morumbi, cursando 6º semestre de Design Gráfico na Unicsul, trabalhou por 3 anos como coordenadora de mídias e métricas do Gimba.com e atualmente como Analista de Marketing do site Empregos.com.br

GerenteDeEcommerce.com.br: Na sua concepção, as vendas pela internet já chegaram no limite ou ainda há campo para crescimento?
CAMILA SEPPE: Já deu para perceber que cada vez mais a internet colabora com os comerciantes. O e-commerce tem se tornado cada vez menos indispensável para as empresas, por ser uma fonte com custos relativamente baixos e que atinge um público muito promissor.


GerenteDeEcommerce.com.br: A que você atribui esse crescimento tão exponencial?

CAMILA SEPPE: Com certeza não foi à toa que isso aconteceu. A internet de fato tornou-se algo promissor baseado em dados reais de faturamento, de cada vez mais empresas terem sucesso com suas lojas virtuais. Existem muitos fatores que, se bem trabalhados, colaboram para esse sucesso. Porém, se não o mais importante é um dos, o tipo de comunicação a ser utilizado com o seu público-alvo chega a ser crucial nesse sucesso.


GerenteDeEcommerce.com.br: E por onde começar?

CAMILA SEPPE: O primeiro passo é identificar o seu público-alvo. A partir disso, já é possível trilhar o melhor caminho a seguir. No entanto, existem duas vertentes que são importantíssimas de se observar: vender produto e vender serviço.


GerenteDeEcommerce.com.br: E o que é mais fácil? Vender produto ou vender serviço?

CAMILA SEPPE: O produto tem a vantagem de ser algo palpável, e isso é com certeza uma grande vantagem. Pode-se tirar fotos em todos os ângulos, tirar foto de pessoas utilizando o produto ou aonde ele pode ser utilizado, enfim, há diversas maneiras de através do seu site mostrar para o cliente o objeto que você está vendendo.


GerenteDeEcommerce.com.br: Mas e no caso de vender serviços? Como fazer para instigar essa grande vontade de adquirir como é possível fazer com os produtos?

CAMILA SEPPE: Pois é, já deu para perceber que a tarefa torna-se um pouquinho mais difícil nesse caso. O grande segredo, então, é tornar essa tarefa difícil o seu grande desafio. Algo muito importante em todos os casos é você se posicionar como cliente. Faça uma análise e tente perceber o que você como cliente gostaria de saber sobre o produto ou serviço que estão lhe oferecendo. No caso de vender serviços, esse será o seu principal aliado. É necessário detalhar ao máximo tudo o que o serviço vendido oferece. Quais as vantagens para quem adquirir o serviço e principalmente: DESTACAR as principais vantagens.


GerenteDeEcommerce.com.br: Já que falamos das diferenças, existe algum paralelo entre vender produto e vender serviço?

CAMILA SEPPE: Se você parar para pensar, é exatamente o que se faz na venda de produtos, entretanto isso tem que ser feito muito melhor e mais atraente, pois não há o recurso das imagens e fotos. Não economize vantagens para os seus clientes, coloque a satisfação dele sempre em primeiro lugar e verás como as vendas de seus serviços ou produtos irão se tornar um ótimo negócio!


GerenteDeEcommerce.com.br: As métricas são tão importantes na venda do serviço quanto na venda de produtos?

CAMILA SEPPE: Não se esqueça de mensurar e acompanhar de perto os resultados de suas campanhas. Defina seu público alvo, faça um bom trabalho de comunicação levando em consideração as dicas para se for produto ou serviço, e boas vendas!

3 Comentários

  1. Claudir da Silva

    jan 28th, 2010

    Perfeita entrevista, curta e objetiva,me esclareceu alguns pontos simples que não eram considerados,mas,fazem toda diferença.Vou colocar em prática agora mesmo,depois retorno com os resultados.

  2. RODRIGO DE ARAUJO VIEIRA

    fev 23rd, 2010

    Gostaria de ter um e-commerce, más não tenho ainda um produto ou serviço específico, então gostaria de entender a minha relação com o fornecedor, uma vez que a loja é virtual, ou seja precisarei ter estoques físicos no meu ambiente comercial ou o pedido é direcionado diretamente para o fornecedor, o qual fará processo de entrega?

    Atenciosamente.
    Rodrigo

    P.S – A MATÉRIA ACIMA É MUITO BOA.

  3. Emerson

    mar 17th, 2010

    Parabens pelo conteúdo da página, dicas com muita relevância.

Trackbacks and Pingbacks

Deixe um comentário!